domingo, 6 de novembro de 2011

Almoço em Casa dos Avós - Dia do Bolinho


No dia do bolinho as coisas são tão diferentes daquilo que era há uns anos atrás. No meu tempo ( e não sou assim tão velha, tenho 23 anos ) os grupos de crianças eram muito maiores, as campainhas não paravam de tocar durante o dia e os sacos enchiam-se com maravilhosos bolos caseiros que se preparavam nas casas. E não era apenas de manhã, era todo o santo dia a correr pelas casas para ver quem trazia o saco mais pesado.
Nos dias de hoje vejo poucas crianças a fazer isto, o famoso chamar "Tia dá o Bolinho" desapareceu, os poucos que nos tocam à porta abrem logo os sacos e por vezes nem "Bom dia" ou "Boa tarde" e ainda são exigentes com as coisas que lhe damos, sei de histórias em que eles não querem o bolo ou doce e já pedem moedas de 1€, etc... enfim, tenho imensa pena que as coisas tenham mudado neste sentido, sinto falta do espírito que vivia nos meus anos em que andava de porta em porta com os amigos. 

No entanto, há coisas que não mudam e uma delas são os nossos almoços!!

Espero que gostem das fotos.

Um resto de Bom Domingo.























2 comentários:

  1. É mesmo uma pena como as coisas mudaram, por aqui a tradição é ir pedir os santinhos, acaba por ser a mesma coisa!! Mas eu noto que à um ano ou dois, para cá as crianças já não se importam tanto que lhes demos doces em vez de dinheiro, mas houve uma altura que alguns quando abriamos a porta já tinham a carteira para o dinheiro aberta e nem traziam saco para levar outras coisas, é pena, porque já lá vão os tempos em que se pediam os santinhos para matar a fome( no tempo dos meus pais). Eu sempre disse ao meu filho: -Aceitas do que te dão, porque quem dá, dá por gosto, e dá o que pode!!
    Quanto a esses almoços, são sempre uma delicia, as famílias deviam ser todas assim!!!!!!
    bjs e resto de bom domingo

    ResponderEliminar

OBRIGADA PELA VISITA.

Sónia Meirinho

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...